quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Saudade de sentir um toque humano, as vezes penso que vivo em um mundo paralelo.


Desconheço coisas naturais, esqueço a sensação de um abraço... um beijo... um toque.

Tenho que viver em uma luta constante pra me manter forte nesta guerra de estranhos.

Será que o problema está na fortaleza?

As vezes posso dar um aspecto de força...que nem sempre tenho.

É bem estranho viver nesse meu mundo, vejo gente passando, mas não me enxergo aqui dentro.

A solidão me dói.

Tenho que viver dominando sentimentos, me esquivando das facadas que por vezes me ferem.

Sair por aí cortada... sangrando.. pegando os pedaços de mim pelo chão.

To afetada, to doida.

Nada está fazendo sentido.

Nenhum comentário: